Então, como ficaram suas habilidades? Bem, seu novo Q — Ataque Crepúsculo — muda completamente como e quando Shen quer lutar. Seus ataques são 100% corpo a corpo agora, ficando impossibilitado de incomodar ou dar golpes fatais à distância. Em vez disso, seu posicionamento é crucial, manobrando ao redor de seu oponente para que as conjurações do Q façam com que a espada espiritual atravesse o inimigo. Seu oponente quer que isso não aconteça, é claro, resultando em uma valsa pela rota, atrás de vantagem posicional. Shen pode forçar que isso aconteça com o uso de Corrida das Sombras, acertar a Provocação e empurrar a espada espiritual. Isso lhe dá um bom dano adicional e abre caminho para que Refúgio Espiritual apare a resposta de seu inimigo. Seu novo W também tem reflexos sérios em confrontos de equipe, dando a sua equipe inteira os meios de desviar de ataques básicos. De novo: isso exige compreensão posicional. O Tempo de Recarga da habilidade significa que ele só pode tentar uma vez por confronto de fim de partida. É uma habilidade forte, mas só quando usada adequadamente. Por fim, o novo escudo passivo de Shen é parte crucial do repertório do rapaz, especialmente no fim da partida. Após no nível 16, seu escudo tem literalmente nenhum Tempo de Recarga ao acertar habilidades em outros campeões, o que significa que os jogadores mais habilidosos de Shen podem virar supertanques imortais.