Início / Notícias / Campeões e Skins / A Evolução de um Campeão Dragão

A Evolução de um Campeão Dragão

SemLag

Com a palavra, Riot Luqi:

Fala galera, Luqi na área.

No fim de 2013 nós demos uma palhinha de um dragão serpentino de tempestade com influências orientais chamado Ao Shin, que estava nas primeiras fases da criação de Campeão. Então, nos dois anos que se passaram (tirando alguns comentários em conversas), não falamos mais disso. Erramos feio, erramos rude, e o mistério ao redor do dragão apenas aumentou com o tempo. Vimos a pergunta “cadê o Ao Shin?” em todos os lugares possíveis, inclusive em PQCs sobre outros assuntos ao redor do mundo.

Agora que 2016 está engrenando e os calendários de produção estão sendo finalizados, finalmente temos uma novidade: o dragão que mostramos em 2013 evoluiu tremendamente desde então. Dito isso, não vamos lançar o Campeão que vocês conhecem como Ao Shin, mas lançaremos um Campeão dragão na primeira metade de 2016. Seu nome é (provisoriamente) Aurelion Sol.

Não podemos dizer muita coisa a mais sobre o Aurelion Sol, mas gostaríamos de dividir alguns dos desafios que enfrentamos e lições aprendidas no processo. Apesar de a grande notícia já ter sido dada, você ainda pode continuar lendo se quiser saber como o dragão antes conhecido como Ao Shin evoluiu no decorrer de dois anos.

Primeiramente: o conjunto de Ao Shin não convencia. É um problema bem comum que encontramos no início da criação de Campeões e, apesar de às vezes conseguirmos ajustar enquanto a criação ocorre (um conjunto utilizável deve ter duas ou três habilidades principais que façam as coisas funcionarem), de vez em quando precisamos mudar todo o conceito e dar um passo para trás. Internamente, dizemos que colocamos o Campeão na “geladeira” até que possamos revisitá-lo com uma nova perspectiva.

Em segundo lugar: conseguir entregar a silhueta única do corpo de um dragão serpentino – longo e poderoso – em um jogo onde virar-se instantaneamente é essencial apresenta desafios técnicos únicos. Com o tempo, ficamos confiantes que poderíamos resolver o problema, mas com as habilidades de Ao Shin não funcionando juntas, estávamos relutantes em dar esse trabalho todo para o pessoal de engenharia para algo que talvez não fosse lançado.

Finalmente – e isso foi importante – nos comprometemos cedo demais com a premissa de Ao Shin sem desenvolver suas raízes temáticas. Quando anunciamos Ao Shin, estávamos no processo de diminuição do ritmo de lançamento de Campeões para descobrir como entregar personagens irados que parecessem únicos ao universo de League. Aprendemos muito durante esse tempo (e ainda estamos aprendendo!) e, quando examinamos Ao Shin depois dessas lições, por que ele estava em Runeterra? Quais eram suas motivações? – desenterramos uma temática fresquinha que nos colocou no caminho certo.

Então, no fim, apesar de sentirmos muito por termos agitado todo mundo com a ideia de um dragão tempestuoso serpentino por tanto tempo, estamos felizes em entregar um Campeão dragão em 2016 que esperamos que todos amem. Aurelion Sol tem sapatos grandes à preencher(ou seriam garras?) – mas ainda assim, gostamos de surpresas então fiquem ligados que qualquer um dos próximos campeões pode ser ele.

via League of Legends Fórum

Sobre GrYllO

Apenas um rapaz comum que gosta de basquete, tecnologia e jogos online. Também administro o FansitesBR.com

Veja Também

Promoção de Campeões e skins: 03/04 a 06/04/18

Veja o que tem de legal no promoção de campeões e skins!